Desde a semana passada, os carros elétricos passam a contar com o benefício de isenção de 35% na alíquota de importação. Com isso, trazer um exemplar do veículo elétrico Tesla S ao Brasil, por exemplo, fica R$ 130 mil mais em conta, de acordo com a importadora Direct Imports. A empresa, que promete entregar o carro em até 120 dias, diz que o modelo custava R$ 600 mil e agora passa a ser oferecido por R$ 470 mil.

Modelo de entrada e de maior sucesso da fabricante com sede na Califórnia, o Tesla S é um elétrico do tipo plug-in, ou seja, que pode ser recarregado em uma tomada convencional. O modelo está está disponível em três versões: 70D com 329 cv, 85D com 422 cv e P85D com um motor elétrico de 221 cv ligado a um bloco a combustão, gerando 470 cv de potência total.

São oferecidos como itens opcionais o piloto automático, interior com luzes em LED, kit de som profissional, pacote para neve (bancos e volante com aquecimento, limpadores de vidro aquecidos) e banco reversível com mais dois lugares.

Fotos: Divulgação