A produção de carros da Testa, fabricante de modelos elétricos com sede na Califórnia (EUA), poderá se estender para a China. As informações publicadas no site Automotive News indicam que os planos da Tesla para ingressar no maior mercado de automóveis do mundo devem se concretizar em dois anos. Já se sabe que a fabricante está em processo de negociação com algumas empresas chinesas, uma vez que as fabricantes estrangeiras, geralmente, são obrigadas estabelecer uma join venture com uma companhia da China para se estabelecer no país.

Atualmente as vendas da Tesla na China são consideradas fracas, com 3.025 unidades do Model S comercializados no país entre janeiro s setembro, segundo comunicado da Tesla.

Tesla Model S

Tesla Model S

Elon Musk, CEO da Tesla diz que já está trabalhando com a empresa de internet chinesa Baidu Inc. em um sistema de navegação GPS e tecnologia de condução autônoma. Detalhes não foram revelados pelo executivo.

Outros planos ousados já divulgados anteriormente pela fabricante de veículos elétricos é conquistar a autossuficiência em armazenamento e fornecimento de energia elétrica. Sendo assim, a marca já investiu US$ 5 bilhões em uma fábrica no estado de Nevada (EUA), que irá produzir o seu primeiro lote de baterias no próximo ano. A expectativa é de quem em até três anos a unidade produtiva atinja a sua capacidade máxima.

Mas os planos de autossuficiência não param por aí. A testa também irá apostar em infra-estrutura de abastecimento, como se fossem postos tradicionais de combustíveis, porém oferecendo eletricidade para os veículos.

Tesla Model X

Tesla Model X

O a carros da Tesla

Fundada em 2003, a Tesla iniciou naquele ano as vendas do seu primeiro modelo, o Roadser Imagem abaixo), que inclusive, já foi descontinuado. Em seguida veio o sedã Model S (parte de US$ 57.500 nos EUA, já com incentivos), que fez a fama da marca e é comercializado até hoje. Há cerca de um mês, a empresa lançou o SUV Model X (ainda sem preço definido) e promete mais novidades em breve: o Model 3 para 2017 e uma nova geração do Roadster para 2018.

Os números de vendas gerais da Tesla são de 31.655 unidades do sedã Model S em 2014. Para este ano, a fabricante acredita que chegará a cerca de 50 mil unidades, somando osveículos Model S e Model X. A expectativa da jovem e promissora fabricante é de chegar a 2020 com 1 milhão de veículos vendidos em todo o mundo.