A Toyota anunciou que fará um mega recall envolvendo 6.5 milhões de veículos em todo o mundo. Segundo a empresa, os interruptores dos vidros elétricos podem apresentar um curto-circuito e, consequentemente, causar um incêndio. Do total de veículos, 2.7 milhões estão na América do Norte, 1,2 milhão na Europa e 600 mil no Japão. Os modelos envolvidos incluem o sedã Camry e os utilitários RAV4 e Highlander.

A falha foi causada pela aplicação inconsistente de uma graxa, que acabou aplicada na alimentação elétrica do interruptor. Com isso, a substância pode acumular detritos e causar o curto-circuito. Sendo assim, o conjunto pode sobreaquecer e derreter.

A fabricante acrescentou que não tem conhecimento de acidentes causados ​​por esta falha. No entanto, a Toyota recebeu um relatório nos Estados Unidos que indica 11 casos de interruptores e painel das portas queimados, além de um cliente com uma queimadura na mão.

Para corrigir o problema, concessionários da Toyota irão inspecionar o interruptor e aplicar uma graxa resistente ao calor. Caso o interruptor não funcione mais, todo o circuito interno será trocado. O tempo estimado para o serviço é de 45 minutos. Segundo a Toyota, os veículos que apresentam problemas foram fabricados no Japão entre janeiro de 2005 e agosto de 2006 e agosto de 2008 a junho de 2010. Os modelos atingidos feitos fora do Japão, são datados entre agosto de 2005 e agosto de 2006 e janeiro de 2009 a dezembro de 2010.