O Fiat Tipo voltou. O novo sedã global da marca italiana, apresentado no Salão de Istambul (Turquia) como Aegea terá, no mercado europeu, o mesmo nome do hatch que fez sucesso no Brasil na década de 1990. Segundo o site português Automonitor, o modelo será fabricado na fábrica da Fiat Chrysler Automobiles (FCA) em Pernambuco.

O sedã foi criado, inicialmente, para mercados emergentes, mas, agora confirmado no Velho Continente, deverá receber itens mais tecnológicos e acabamento superior para o exigente mercado europeu.

O novo Tipo dará origem a uma família completa, incluindo versões hatch e perua. Caso realmente venha para o Brasil, o modelo substituirá o hatch Bravo e o sedã Linea de uma só vez. Com 4,54 metros de comprimento e 2,64 m de distância entre-eixos, o modelo chega às lojas europeias em dezembro.

Segundo a Fiat, o novo carro terá quatro opções de motorização na Europa: 1.4 MultiAir de 95 cv e 1.6 E.torQ com 110 cv, ambos a gasolina, e Multijet II 1.3 de 95 cv e 1.6 com 120 cv, que utilizam diesel. A transmissão pode ser manual ou automática, mas sem mais detalhes técnicos por enquanto.

Já o primeiro Tipo foi lançado na Europa em 1988, mas chegou ao Brasil somente cinco anos depois. Por aqui, ele chegou a ser nacionalizado em 1995, mas perdeu espaço para modelos mais modernos, como o Chevrolet Astra e o Volkswagen Golf de terceira geração. Sucesso de vendas por conta de seu bom custo-benefício, o Tipo saiu de linha em 1997 – na Turquia a produção foi até 2002. No Brasil, o hatch vendeu mais de 180 mil unidades.

Fotos: Divulgação