A Tesla apresentou na sua fábrica na Califórnia o primeiro crossover totalmente elétrico produzido em série no mundo, o Model X. Mecanicamente, o modelo conta com dois motores elétricos de 259 cv, um para cada eixo, capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 4.8 segundos. Há também uma versão mais incrementada, com os mesmos 259 cv no eixo dianteiro e 503 cv no eixo traseiro, com a marca de 0 a 100 km/h em 3.2 segundos.

O interior conta com três fileiras de assento, sendo que as últimas são rebatíveis e a segunda pode ter dois ou três lugares, além de espaço ampliado para as pernas e espaço para armazenamento sob os assentos. O modelo, em termos de design, aparenta ser um SUV Cupê, com silhueta parecida com a do BMW Série 5 GT. Obviamente o carro é recheado de tecnologia e conta com assistente de frenagem de emergência e estacionamento automático.

Além disso, o Model X conta com suspensão pneumática, sistema de segurança ativa com câmeras, radares e sonares, sistema de ar-condicionado não poluente e autonomia de 414 km, sem a necessidade de reabastecimento. O preço ainda não é oficial, mas estima-se que começará em US$ 132 mil (R$ 528 mil em conversão simples) para a versão de entrada e US$ 142 mil (R$ 568 mil em conversão simples) para a versão topo.