Embora não tenha levado a nova geração da Hilux ao Salão de Frankfurt, na Alemanha, a Toyota divulgou nesta segunda-feira (21) detalhes e imagens da picape destinada à Europa. Com o novo modelo, a Toyota espera vender cerca de 40 mil unidades da picape no continente para se manter na liderança do segmento – em 2014 a Hilux vendeu 36 mil exemplares no mercado europeu.

Lançada na Ásia e Oceania em maio, a oitava geração da Hilux não tem alterações visuais na versão europeia. Além das melhorias estruturais, de chassi e no aumento da capacidade de reboque, a picape mostra uma evolução considerável em termos de conforto, equipamentos e, principalmente, segurança.

Segundo a Toyota, a nova Hilux traz uma estrutura mais eficiente na absorção de impactos e uma série de recursos eletrônicos, incluindo freios com ABS e distribuição eletrôncia de frenagem de última geração, além de controles de estabilidade e de balanço de trailer (ao detectar um balanço excessivo do implemento, o sistema indica, por meio de alertas no painel, a necessidade de reduzir a velocidade do veículo).

Quanto à capacidade fora-de-estrada, a Toyota diz que a Hilux possui os mesmos recursos do SUV Land Cruiser, como chassi reforçado, assistências de partida e de frenagem em rampas e controle ativo de tração.

Um pouco maior que a geração anterior, a picape possui capacidade de reboque de 3.2 toneladas nas versões equipadas com o motor de 2.8 litros turbodiesel de 177 cv de potência e 45,5 kgfm de torque. Haverá ainda uma motorização de 2.4 litros turbodiesel de 150 cv e 41 kgfm.

Fotos: Divulgação