Lançado em novembro de 2011, o Chevrolet Cobalt passará por uma reestilização que deverá ser lançada ainda no final deste ano ou no começo de 2016. O sedã – classificado como compacto, porém, com tamanho de médio – receberá alterações significativas no desenho da dianteira, além de retoques na traseira e em detalhes da cabine.

Apesar de ainda não ter se manifestado sobre o lançamento do modelo, a General Motors vem realizando testes com alguns protótipos, que têm rodado bastante camuflados pela Grande São Paulo. Um dos carros foi flagrado pelo leitor Alexandre Patricio no estacionamento de um shopping da zona leste da capital paulista.

Embora o Cobalt flagrado no shopping estivesse bastante disfarçado, é possível notar que o sedã será equipado com um novo conjunto óptico, mais harmonioso que o atual, grade frontal menor e para-choques redesenhados. Rumores afirmam ainda que as lanternas serão posicionadas horizontalmente, invadindo parte da tampa do porta-malas e que algumas versões poderão receber iluminação diurna de LED como o Cruze.

Mas as novidades não ficarão restritas ao Cobalt. O hatch Onix, atualmente o carro mais vendido da GM no Brasil, e o sedã Prisma também passarão por mudanças, como comprova o flagra (foto abaixo) do leitor Matheus Avila. O internauta fotografou dois protótipos rodando camuflados na Rodovia Dom Pedro I, no interior de São Paulo. Segundo Avila, os carros estavam equipados com rodas parecidas com as do sedã médio Cruze.

Onix e Prisma também receberão retoques, principalmente na dianteira, que ganhará faróis mais afilados e grade redesenhada. Na traseira, as mudanças ficarão concentradas no para-choque e nas lanternas com nova disposição das luzes. Ambos deverão chegar ao mercado apenas em 2016.

No que diz respeito aos conjuntos mecânicos, tanto o Cobalt como o Onix e o Prisma manterão as suas atuais motorizações e câmbios – possivelmente com melhorias para favorecer a economia de combustível e reduzir as emissões.

Fotos: Alexandre Patricio e Matheus Avila