A Chevrolet anunciou o preço de duas versões do novo Camaro. A versão básica 1LT parte de US$ 26.695 (R$ 93.093 em conversão simples) – US$ 2.000 (R$ 6.900) mais caro que o atual -, enquanto a intermediária 1SS custa US$ 37.295 (R$ 130 mil). A versões 2LT e 2SS, bem como as variantes conversíveis, não tiveram seus preços revelados.

Assim como o Ford Mustang, o Camaro entra na era do downsizing, com o objetivo de reduzir consumo e emissões, e passa a utilizar uma motorização de quatro cilindros de 2.0 litros turbo. O propulsor, que pode causar polêmica entre os puristas do modelo, gera 278 cv de potência e 40,7 kgfm de torque – 90% da força é entregue entre 2.100 e 3.000 rpm, sendo que o pico é atingido das 3.000 a 4.500 rotações por minuto. De acordo com a GM, o novo motor permite ao Camaro acelerar de 0 a 100 km/h em menos de seis segundos e garante consumo médio na casa dos 12 km/l.

Além do bloco de quatro cilindros, o muscle-car terá à disposição o motor de 3.6 litros V6 de 340 cv e 39,2 kgfm, dotado do sistema que desativa dois dos seis cilindros. Já a versão topo de gama SS mantém a motorização de 6.2 litros V8, porém aprimorada para render 461 cv (o atual entrega 426 cv) e 64,4 kgfm de torque.

As transmissões disponíveis são as seguintes: manual de seis marchas e duas opções de caixas automáticas de oito velocidades para as versões V6 e V8.

Entre as novidades da linha 2016 do Camaro está o interior renovado, que recebeu painel de instrumentos mais moderno e novos revestimentos. Além disso, todas as versões contam com o sistema MyLink compatível com o sistema Apple CarPlay, OnStar 4G LTE com ancoragem Wi-Fi, luzes de LED para uso diurno e chave presencial com sistema de partida por botão. As três versões também possuem ar-condicionado automático digital e um seletor do modo de direção com três configurações (Tour, Ice e Sport). O modo Track, específico para pistas, faz parte apenas das versões 1SS e 2SS.

A variante 1SS conta com um diferencial de deslizamento limitado quando equipada com a transmissão manual, centro de informações configurável, além de freios Brembo, pneus Goodyear especiais para pistas e sistema de refrigeração do óleo do motor. A topo de gama 2SS adiciona bancos de couro com aquecimento, volante aquecido, além de sistema de som premium. A versão mais cara também conta com alertas para ponto cego e mudanças de faixa.

A estrutura do carro também é nova e agora é constituída de aços de alta resistência e alumínio em alguns componentes. O modelo passa a ser equipado com freio de estacionamento elétrico.