Há um bom tempo os leitores pedem para ver o Chevrolet Chevette na Garagem. Pois bem, aqui está ele. Fomos arás de um exemplar bastante especial, com detalhes “maldosos”. O modelo, lançado em 1973, se tornou um sucesso de vendas.

A primeira geração é chamada de Tubarão, justamente por causa do desenho, muito bem acertado. Este carro recebeu um swap, ou seja, um motor de Omega de quatro cilindros de 2.2 litros e adoção do turbocompressor, gerando potência próxima dos 190 cv, com apenas 0,5 bar de pressão.

Garagem do Bellote TV: Chevette com motor de Ômega

Guiar o pequeno é diversão pura. A combinação do tamanho com a tração traseira faz do Chevette um brinquedo divertido, mas que também exige atenção redobrada. O mais legal é cutucar o acelerador só para ouvir o ronco da válvula de prioridade e os olhares curiosos pela rua. Até a próxima semana.

Assista também no player do YouTube: