Q3_ALTA-29

 

Com a produção nacional confirmada para o ano que vem, o Audi Q3 estreia a linha 2016 no mercado brasileiro com visual reestilizado, atualizações mecânicas e a oferta da motorização 1.4 turbo – a mesma do A3 Sedan que já está sendo fabricado em São José dos Pinhais (PR), porém com tecnologia bicombustível. O SUV compacto, que foi o modelo mais vendido da marca no país em 2014, está disponível em cinco versões cujos preços variam de R$ 127.190 a R$ 190.190.

A principal alteração no desenho do Q3 está na grade frontal, que marca a nova identidade visual da linha de utilitários esportivos da Audi, complementada pelos irmãos maiores Q5 e Q7. Os faróis do SUV ganharam luzes diurnas com nova assinatura em LED e iluminação de neblina interna (como no TT). As lanternas também foram redesenhadas. Enquanto o para-choque dianteiro passa a contar com entradas de ar maiores, inspiradas nas da versão esportiva RSQ3, o traseiro foi retocado com um vinco que transmite a impressão de maior largura e robustez.

Sob o capô, o Q3 2016 passa a vir equipado com os novos motores da família EA211 do Grupo Volkswagen. O bloco de 1.4 litro turbo a gasolina desenvolve 150 cv de potência e 25,5 kgfm (entre 1.500 e 3.500 rpm) e funciona acoplado ao câmbio automatizado S Tronic de seis marchas e dupla embreagem, que gerencia a força do propulsor apenas às rodas dianteiras.

 

No caso do motor de 2.0 litros turbo, também movido apenas a gasolina, a Audi promoveu alterações que elevaram a potência de 170 cv para 180 cv. O torque máximo de 32,6 kgfm é entregue de 1.400 a 3.900 rpm. Na versão topo de gama, a Ambition, os números sobem para 220 cv e 35,7 kgfm. Em todas as configurações 2.0 a transmissão é de sete marchas e dupla embreagem e há o sistema de tração integral quattro.

Confira abaixo as versões, preços e principais equipamentos de série do Audi Q3 2016

Q3 Attraction 1.4 turbo (150 cv) – R$ 127.190: ar-condicionado, direção elétrica, seis airbags (frontais, laterais e de cortina), rodas de liga leve de 17 polegadas, faróis bixenônio com LED, sensor de chuva, faróis com acendimento automático, controle de estabilidade, sistema start/stop, volante multifuncional com borboletas para as trocas de marchas, sensor de estacionamento traseiro, assistente de partida em rampas, central multimídia com tela de 5,8”, rádio, conexões Bluetooth e auxiliar, bancos em couro, entre outros.

Q3 Ambiente 1.4 turbo (150 cv) – R$ 144.190: acréscimo de teto-solar panorâmico elétrico, ar-condicionado automático de duas zonas, rodas de 18 polegadas, banco do motorista com ajustes elétricos, piloto automático, tampa do porta-malas com acionamento elétrico e memória de altura, espelhos externos com rebatimento automático.

Q3 Attraction 2.0 turbo (180 cv) quattro – R$ 145.190: mesmos equipamentos da Attraction 1.4 turbo com a adição de banco do motorista com ajustes elétricos e sistema de som MMI Audi Sound System com 10 alto-falantes, CD player e entradas SD.

Q3 Ambiente 2.0 turbo (180 cv) quattro – R$ 165.190: pacote da Ambiente 1.4 turbo, mais Audi Drive Select com quatro modos de condução (eficiente, conforto, automático e esportivo), Auto Hold (quando acionado, mantém o carro parado mesmo engatado e sem pisar no pedal de freio) e sensor de estacionamento dianteiro.

Q3 Ambition 2.0 turbo (220 cv) quattro – R$ 190.190: além dos 40 cv extras, acrescenta aos equipamentos da versão anterior os seguintes itens: banco do passageiro com regulagens elétricas, central multimídia com tela de 7”, GPS e armazenamento interno.

O sistema de entretenimento do Q3 Ambition 2.0 pode ser adicionada às demais versões, junto com o som da marca Bose, por R$ 7.500 extras. No entanto, todas as configurações podem ser equipadas com o Pacote Conforto (R$ 10.500), que adiciona com sensor de ponto-cego e chave presencial.

4126916587

 

Propostas distintas

Antes de definir a oferta da motorização 1.4 turbo, a Audi realizou pesquisas que constataram o uso majoritariamente urbano por parte dos donos de Q3. Além da possibilidade de disponibilizar versões mais em conta (a linha 2015 partia de R$ 141 mil), o motor menor atende às necessidades citadinas consumindo menos combustível. A vocação do propulsor para economizar na conta na hora de abastecer o fez conquistar a nota A nos testes de consumo do Inmetro, com médias de 10,7 km/l na cidade e 12,5 km/l na estrada.

O SUV esbanja certa agilidade quando é preciso retomar velocidade ou encarar uma ladeira na cidade, porém mostra menos vigor que o A3 Sedan 1.4 turbo de 122 cv, por exemplo, devido o maior peso. Na estrada, o Q3 não faz feio e mostra desenvoltura para manter velocidades de cruzeiro, mas em alguns momentos as acelerações não acompanham a rapidez do ótimo câmbio S Tronic. O bom desempenho para um motor de baixa cilindrada, aliado ao baixo consumo, é favorecido pela adoção de turbo e dois tipos de injeção de combustível: direta e indireta. Enquanto a primeira favorece o ganho de torque a médias e altas rotações – durante arrancadas ou retomadas -, a última é mais eficiente a giros mais baixos em situações urbanas ou a velocidades de cruzeiro, por exemplo.

149458136

 

Já o Q3 2.0 turbo de 180 cv é esperto em qualquer situação. A transmissão parece “casar” melhor com o motor maior e garante respostas ágeis ao menor toque no acelerador. As acelerações são vigorosas e é preciso ter certo cuidado para não extrapolar os limites legais de velocidade.

A Audi aposta que as versões 1.4 turbo contribuirão para manter o bom desempenho do Q3 no mercado brasileiro – o modelo vendeu 3.817 unidades no país em 2014. De acordo com a marca, essa motorização responderá por aproximadamente 60% das vendas do SUV. Já a variante esportiva RSQ3 (parte de R$ 285.190 na linha 2015), equipada com o motor de cinco cilindros 2.5 turbo de 310 cv, ainda não tem previsão de chegar por aqui com as atualizações.

Teste-drive a convite da Audi.