NovoFocus2016-TitaniumPlus-59

Lançada no Brasil há quase dois anos, a terceira geração do Focus passa a exibir a mesma identidade visual dos demais carros da Ford (o médio estreou o novo visual no final de 2014 na Europa e nos Estados Unidos) e chega à linha 2016 com atualizações técnicas, melhorias de conteúdo e reposicionamento de versões. O modelo chega às lojas em agosto com preços que partem de R$ 69.900 e vão a R$ 95.900.

Disponível em cinco configurações, o Focus deixa de contar com a versão de entrada S, enquanto a motorização de 1.6 litro de 131/135 cv de potência (gasolina/etanol) passa a ser oferecida somente com câmbio manual de cinco marchas. Já a caixa automatizada de seis velocidades e dupla embreagem fica restrita às variantes com o propulsor de 2.0 litros de 175/178 cv (g/e). Para atender aos pedidos dos clientes, essa transmissão recebeu borboletas para as trocas de marchas atrás do volante.

Além da “extinção” da versão mais básica – que rivalizava dentro da própria Ford com o New Fiesta Titanium em termos de preços, mas oferecia menos conteúdo – e dos pacotes de opcionais, os consumidores que quiserem um Focus mais completo terão de optar pelas configurações superiores.

 

Principais novidades

Para deixar o Focus ainda mais competitivo e, principalmente, manter a liderança do segmento de hatches médios (seguido por Volkswagen Golf e Chevrolet Cruze Sport6), a Ford incrementou o recheio do modelo e agora todas as versões saem de fábrica equipadas com rodas de liga leve de 17 polegadas, assistente de partida em rampas, controles de estabilidade, tração e de torque em curvas, monitoramento da pressão dos pneus, faróis de neblina, sensor de chuva, faróis com acendimento automático, retrovisor interno fotocrômico, sistema multimídia SYNC com USB, Bluetooth, comandos de aplicativos por voz Applink e Assistência de Emergência (aciona o SAMU, quando conectado a um smartphone, ao detectar a deflagração dos airbags).

As outras novidades, presentes na versão mais cara, são mais comuns a modelos de segmentos superiores. O Focus Titanium Plus é equipado de série com assistente de frenagem autônoma a velocidades de até 50 km/h, faróis bi-xenônio adaptativos de acordo com a velocidade e trajetória do veículo e sistema de estacionamento automático (estaciona o veículo tanto em vagas paralelas como nas perpendiculares).

NovoFocus2016-Titanium-13

Confira abaixo as versões, preços e principais equipamentos de série do Focus 2016:

Focus SE 1.6 – R$ 69.900: rodas de liga leve de 17 polegadas; controles eletrônicos de estabilidade e tração; assistente de partida em rampas; controle de torque em curvas; aviso de pressão baixa dos pneus; freio a disco nas quatro rodas; faróis de neblina; faróis com acendimento automático; espelho interno fotocrômico; sensor de chuva; chave programável MyKey; sistema de conectividade SYNC com tela colorida de 4,2 polegadas, conexão Bluetooth, duas entradas USB, comandos de voz para áudio e telefone, Assistência de Emergência, Applink com cinco novos aplicativos, entre outros itens.

Focus SE Plus 1.6 – R$ 71.900: adiciona ao pacote anterior os airbags laterais, rodas de 17” com desenho exclusivo; bancos em couro; sensor de estacionamento traseiro; controle de velocidade de cruzeiro e limitador de velocidade; ar-condicionado digital de duas zonas.

Focus SE Plus 2.0 AT – R$ 78.900: acrescenta a motorização 2.0 e o câmbio automatizado com borboletas atrás do volante.

Focus Titanium 2.0 AT – R$ 86.900: itens da SE Plus 2.0 AT, mais acabamento exclusivo Titanium; rodas de liga leve de 17 polegadas exclusivas; airbags de cortina; chave presencial; sistema SYNC com MyFord Touch, tela de 8 polegadas, GPS, tela multifuncional de 4,2” no painel de instrumentos, Bluetooth, duas entradas USB, comandos de voz para áudio, telefone, navegador e ar-condicionado e sistema de som Sony com nove alto-falantes.

Focus Titanium Plus 2.0 AT – R$ 95.900: agrega assistente de frenagem autônomo; faróis bi-xenônio adaptativos com luzes diurnas de LED; sistema de estacionamento automático para vagas paralelas e perpendiculares; espelhos com rebatimento elétrico; banco do motorista com ajuste elétrico e teto solar.

De acordo com a Ford, o mix de vendas do Focus ficará concentrado nas versões intermediárias (cerca de 48%), seguidas pela topo de gama (42%) e a de entrada (10%) – no total, as configurações com motorização 2.0 responderão por 60% do volume.

NovoFocus2016-TitaniumPlus-73

Dirigibilidade ainda é o ponto mais forte

Além do visual retocado e dos novos equipamentos, o Focus recebeu aprimoramentos na direção, ajustes na suspensão e reforços na carroceria. O rodar do hatch ficou ligeiramente mais rígido, melhorando o comportamento (que já era bom) do carro em curvas, porém, sem comprometer o conforto. O desempenho é condizente com as propostas das motorizações: se a 2.0 empolga pela agilidade tanto na cidade como na estrada, a 1.6 não esbanja vigor, mas também não decepciona quando exigida – o Focus 1.6 é o típico carro de entusiasta, que prioriza um conjunto bem acertado e as trocas de marchas manuais a um desempenho arrebatador.

Atualizado e com argumentos que pesam a seu favor diante dos principais rivais – custa menos que o Golf e oferece mais novidades que o Cruze Sport6 -, o Focus mostra que, por ora, não encontrará dificuldades para manter a liderança do segmento. Resta esperar como o mercado reagirá assim que a Volkswagen apresentar a estratégia para o Golf nacional e com motores 1.4 turbo e 1.6 aspirado, ambos flex, no segundo semestre.

E o sedã, quando chega?

Desta vez, a Ford decidiu lançar as versões hatch e sedã separadamente por adotar uma nova estratégia distinta para o três-volumes. O Focus sedã será apresentado oficialmente no final de julho e receberá a nomenclatura “Focus Fastback”. O modelo também chegará com o visual renovado e, provavelmente, com um reposicionamento de equipamentos e versões.

Viagem a convite da Ford.