No final de março, a fabricante brasileira de utilitários Agrale revelou algumas imagens teaser da nova geração do Marruá, modelo cuja produção é majoritariamente direcionada para o uso militar. A marca encerrou o mistério nesta semana ao apresentar o utilitário durante a Feira Internacional de Defesa e Segurança (LAAD Defence & Security), no Rio de Janeiro.

O Marruá manteve a aparência robusta da geração anterior, mas ganhou retoques visuais e melhorias tecnológicas. De acordo com a Agrale, o modelo está maior e mais espaçoso tanto na cabine como na caçamba. O utilitário recebeu novos capô e portas, além de para-lamas com degraus laterais e tampa traseira removível. Na traseira o destaque fica para as lanternas de LED.

No que diz respeito à segurança, o utilitário passa a ser equipado com freios com ABS e EBD. No entanto, os airbags frontais não foram adotados (a legislação permite a ausência do equipamento em modelos off-road).

marrua

Sob o capô, o Marruá mantém o motor turbodiesel Cummins de quatro cilindros de 2.8 litros, que desenvolve 159 cv de potência e 36,7 kgfm entre 1.800 e 2.700 rpm. O câmbio é manual de cinco marchas. O modelo conta ainda com tração 4×4 com reduzida. Com peso bruto total (PBT) 4.300 quilos, o utilitário transporta até 1.300 kg para a configuração com caçamba. Sem o implemento, a capacidade de carga sobe para 1.500 kg.

Entre os itens de série estão o quebra-mato, ar quente, protetor da parte inferior do motor e protetores de lanternas. Equipamentos como caixa da reduzida, diferencial encurtado, pneus lameiros 285/75 R16, guincho elétrico e snorkel são oferecidos como opcionais. Os preços do utilitário não foram divulgados.