Malagrine

Vendido no Brasil desde setembro do ano passado, o Mercedes-Benz GLA amplia a sua gama no mercado nacional com o lançamento de mais uma motorização. Disponível nas versões GLA 250 Vision (parte de R$ 171.900) e GLA 250 Sport (R$ 189.900), o bloco de 2.0 litros turbo a gasolina desenvolve 211 cv de potência a 5.500 rpm e 35,7 kgfm de torque entre 1.200 e 4.000 giros. O propulsor trabalha acoplado à caixa automatizada 7G- Tronic de sete marchas e dupla embreagem.

De acordo com a Mercedes-Benz, o GLA 250 acelera de 0 a 100 km/h em 7.2 segundos e atinge a velocidade máxima de 235 km/h, limitada eletronicamente.

– Confira aqui a avaliação da versão GLA 200 Vision com motor 1.6 turbo

A lista de equipamentos de série é idêntica à da versão GLA 200 Vision (motor 1.6 turbo de 156 cv e 25,5 kgfm): direção elétrica, ar-condicionado de duas zonas, teto solar panorâmico, faróis bi-xenônio com luzes diurnas de LED, sete airbags (frontais, laterais, cortina e joelho do motorista), piloto automático, sistema multimídia com GPS, banco do motorista com regulagem elétrica, rodas de liga leve de 18 polegadas, além do acréscimo do Active Parking Assist, que estaciona o veículo de forma autônoma em vagas paralelas ou longitudinais. No GLA 250 Sport é adicionada a câmera de ré, porta-malas com abertura elétrica, chave presencial, banco do passageiro com ajuste elétrico, além do kit estético AMG, com bancos revestidos em camurça Alcantara com costuras vermelhas, para-choques redesenhados e rodas de liga leve aro 19 com desenho exclusivo e acabamento preto brilhante.

 

A gama GLA passa a contar também com uma nova versão de entrada, a GLA 200 Style, oferecida a partir de R$ 128.900. Em comparação com a GLA 200 Advance (R$ 136.900), o modelo perde os bancos esportivos com encosto de cabeça integrado, o escape com ponteira dupla e o acabamento interno é mais simplificado. Com o motor 1.6 turbo há ainda as configurações GLA 200 Vision (R$ 154.900) e GLA 200 Black Edition (R$ 157.900). Já o topo da gama fica com a variante esportiva GLA 45 AMG (R$ 298.900), equipada com o motor de 2.0 litros turbo de 360 cv e tração integral.

Segundo a Mercedes-Benz, todas as versões equipadas com os motores 1.6 turbo e 2.0 turbo de 211 cv serão produzidas em Iracemápolis (SP) a partir do segundo semestre de 2016 – esses motores provavelmente receberão a tecnologia bicombustível para ficarem aptos ao abastecimento com etanol -, enquanto o GLA 45 AMG continuará a ser importado da Alemanha.

Impressões

Por fora, o GLA 250 até lembra um Classe A com roupagem aventureira e chama a atenção pelo visual robusto. As caixas de roda deixam o SUvinho com uma silhueta musculosa, e a linha de cintura alta dá a impressão de o modelo ser mais largo do que as suas medidas sugerem. Dentro da cabine, o acabamento traz o típico refinamento da Mercedes-Benz, com materiais de excelente qualidade e montagem impecável. O espaço interno, entretanto, é limitado para quatro adultos de até 1,80 m. Pessoas acima desta estatura encostarão suas cabeças no teto se viajarem no banco traseiro.

A posição de dirigir é correta, com instrumentos bem posicionados, apesar da alavanca de câmbio na coluna de direção exigir um tempinho de convivência para se acostumar. O vacilo continua sendo a central multimídia comandada por meio de um botão giratório no console. Em um carro de quase R$ 200 mil é imperdoável a ausência de uma tela sensível ao toque.

Mercedes-Benz-GLA-Class_CARSALE (1)

As semelhanças com o GLA 200 acabam ao engatar Drive e pisar no acelerador. A potência e o torque extras mostram logo de cara que o comportamento pacato foi deixado com as variantes 1.6 turbo e o SUV embala com facilidade. A condução no trânsito urbano continua agradável, porém bem mais ágil. Os 35,7 kgfm de torque garantem acelerações e retomadas bastante vigorosas na estrada.

Embora esteja posicionado no segmento de SUVs, o GLA é um carro equilibrado em curvas e contorna trechos sinuosos com desenvoltura superior à da maioria dos hatches, uma vez que o sistema de suspensão o mantém firme na trajetória. Outro ponto positivo do modelo é o isolamento acústico que filtra praticamente todos os sons do exterior.

A oferta do GLA 250 dá aos fãs do modelo e da marca a oportunidade de adquirir um carro que fique posicionado entre o pacato GLA 200 e o nervoso GLA 45 AMG. No entanto, a nova motorização coloca o SUV em um patamar onde modelos maiores e mais bem equipados já atuam.

Teste-drive a convite da Mercedes-Benz.

Ficha técnica

ModeloMercedes-Benz GLA 250 Vision
PreçoR$ 171.900
Motorquatro cilindros, 2.0 litros, 16 válvulas, turbo
Cilindrada (cm³)1.991
Potência211 cv a 5.500 rpm
Torque35,7 kgfm entre 1.200 e 4.000 rpm
Freios dianteirosDiscos ventilados
Freios traseirosDiscos sólidos
Suspensão dianteiraMcPherson
Suspensão traseiraIndependente Multilink
RodasLiga leve de 18 polegadas
Pneus235/50 R18
DireçãoElétrica
Peso em ordem de marcha (kg)1.455
Comprimento (metros)4,41
Largura (m)1,80
Altura (m)1,49
Distância entre-eixos (m)2,69
Tanque (litros)50
Porta-malas (litros)421
TransmissãoAutomatizada, 7 marchas, dupla embreagem