sandero_logan

A Renault, como parte das comemorações de 60 anos da fábrica de Santa Isabel, na Argentina, anunciou que investirá US$ 100 milhões, ou R$ 300 milhões em conversão simples, para modernizar a unidade e começar a fabricar a nova geração dos modelos Logan e Sandero.

Com isso, a marca garante a continuidade da produção da atual gama no país vizinho, além de permitir a introdução de novos modelos a médio e longo prazo. Atualmente, a fábrica de Santa Isabel produz os modelos Clio Mio, Fluence e Kangoo. A produção local do Logan, Sandero e Sandero Stepway começará em meados de 2016. Com isto, a fábrica brasileira em São José dos Pinhais (PR) deve ter uma leve redução no ritmo de produção, uma vez que não precisará mais atender o mercado vizinho.

Thierry Koskas, CEO da Renault Argentina, ressalta a importância do país vizinho nos planos da marca: “a Argentina é um mercado chave para o grupo Renault, tanto quanto o desenvolvimento da sua estratégia de produção e crescimento de vendas na região das Américas estão em foco. O objetivo é manter essa expansão e também reforçar a posição da marca no país”.