Um Koenigsegg Agera R BLT está há mais de dois anos juntando pó em um armazém na China. O modelo foi apreendido sob a acusação de contrabando, uma vez que os impostos de importação não foram pagos.

Aliás, se reclamamos dos impostos nacionais, no país oriental as taxas são ainda mais exorbitantes. De acordo com o site CarNewsChina, em modelos como este, o imposto pode chegar a 100% do valor original do carro, elevando o preço a níveis estratosféricos.

O site informou ainda que, incluindo os impostos, o supercarro sueco está estimado em US$ 4,7 milhões (R$ 14,5 milhões). O modelo será levado a leilão ainda no primeiro trimestre de 2015. No entanto, o responsável pela importação do veiculo se recusou a participar do pregão, mas teria adquirido uma LaFerrari para ocupar uma das vagas de sua garagem.

O Koenigsegg Agera R, customizado com o kit BLT, é impulsionado por um motor V8 biturbo de 5.0 litros, capaz de entregar 1.155 cv de força e 122 kgfm de torque. Com isso, o modelo faz de 0 a 100 km/h em 2.9 segundos, enquanto a velocidade máxima é de 390 km/h.