central-multimidia

Um menino de 14 anos causou espanto ao conseguir hackear a central eletrônica de um carro sem muitas dificuldades. O fato ocorreu durante uma convenção de segurança da informação e deixou em alerta o mercado automotivo. Durante o procedimento, o jovem conseguiu destravar as portas e acionar, de forma remota, o motor do veículo. O adolescente também ligou os limpadores de para-brisa e o sistema de áudio.

Segundo informações do site Info, o adolescente utilizou um sistema construído por ele mesmo e que não custou mais de US$ 15, ou R$ 40 em conversão simples. A invasão aconteceu durante uma competição de cibersegurança promovida pela entidade de pesquisa em tecnologia da informação Battelle.

A identidade do menino não foi revelada, bem como a marca e o modelo do automóvel, mas, para Anuja Sonalker, cientista chefe da organização, a ação foi importante para a indústria automotiva, uma vez que serve para mostrar que as brechas são bem maiores do que se imaginava. Sonalker ainda afirmou que é impossível evitar todas as invasões, mas alertou que é preciso existir um trabalho de cooperação entre autoridades, montadoras e experts em segurança da informação.