Depois de confirmarno início do mês a producão do elétrico Bolt EV, revelado no Salão de Detroit (EUA), em janeiro, a nova notícia relacionada ao modelo é que, antes de chegar às lojas, talvez ele ganhe um novo nome. Isso porque, em entrevista ao The Detroit Free Press, Alan Batery, Presidente da GM para a América do Norte, informou que “algumas pessoas acham que o nome é confuso”.

O que o executivo quis dizer é que as pessoas confundem o nome Bolt com o do também elétrico Volt. Para ele, no entanto, a questão é tratada com bom humor, além disso Batery reforça que ainda há mais de um ano para tomar a decisão a respeito do nome.

+ GM revela Volt 2016; conceito Bolt antecipa futuro compacto elétrico

+ GM vai entrar na onda do motor 1.0 três cilindros no Brasil

+ GM muda a estratégia e confirma a produção de SUV compacto no Brasil

Independentemente de qual seja o nome do carro, Batery está convencido de que não haverá nenhuma confusão na hora de os clientes escolherem os carros nas concessionárias. “O Volt e o Bolt são veículos diferentes feitos com propostas diferentes para pessoas com necessidades diferentes”, afirma.

Bolt, o elétrico popular

Compacto e elétrico o Bolt surge com a proposta de ser popular e deve chegar ao mercado norte-americano partindo de US$ 30 mil (cerca de R$ 86 mil). De acordo com a fabricante, a experiência adquirida com os modelos Volt e Spark EV servirá para viabilizar e reduzir os custos do projeto do Bolt.

Fabricado com materiais leves, como alumínio, fibra de carbono e magnésio, o conceito é equipado com um motor elétrico com autonomia de até 322 quilômetros. A intenção da GM é comercializá-lo não apenas nos Estados Unidos, mas também na Europa e possivelmente em mercados emergentes.

O desenho externo do Bolt lembra o de um pequeno monovolume, enquanto o visual da cabine é minimalista. O conceito conta com uma tela de LCD de 10 polegadas sensível ao toque e painel de instrumentos digital. O Bolt é equipado com uma tecnologia que permite a partida do motor, localização do veículo, entre outros recursos, por meio de um smartphone.