A Mercedes-Benz deu início da produção do CLA Shooting Brake, a perua da família Classe A, na fábrica de Kecskemét, na Hungria. Na unidade também são fabricados o sedã CLA e o monovolume Classe B. De acordo com a marca alemã já foram produzidos mais de 300 mil carros em Kecskemét desde 2012.

A Mercedes-Benz já investiu US$ 1,15 bilhão (R$ 2.29 bilhões) na fábrica que emprega quase quatro mil pessoas. Além disso, segundo os números divulgados pela fabricante alemã, a unidade fabril húngara tem um papel importante no crescimento do segmento de carros compactos da empresa.

As vendas de compactos registraram um aumento 24,7% em 2014, quando 463.152 unidades dos modelos Classe A, Classe B, CLA e GLA foram entregues, determinando um recorde absoluto da Mercedes-Benz em um único ano no que diz respeito às vendas de veículos dessas categorias. Neste cenário, o CLA tem sido muito importante, nos Estados Unidos, o seu maior mercado. Naquele país foram registradas 27 mil vendas, quase o dobro em relação a 2013.

O Mercedes-Benz CLA Shooting Brake pode ser encomendado desde 15 de janeiro, com as primeiras unidades programadas para chegar às concessionárias europeias em março. A configuração custa US$ 695 (R$ 1.808) a mais que a variante sedã.