Um raríssimo protótipo de dois lugares do Ford Mustang 1964 será leiloado em março nos Estados Unidos. Conhecido como “Shorty” (curtinho, em portugûes), o carro poderá ser arrematado por valores entre US$ 400 mil (cerca de R$ 1 milhão) e US$ 600 mil (R$ 1,6 milhão).

Idealizado pelo designer Vince E. Gardner, o Mustang Shorty foi construído pela Dearborn Steel Tubling, uma das empresas fornecedoras de matéria prima e mão de obra da Ford na década de 1960. Não se sabe se Gardner teve acesso aos sketches da proposta do Mustang de dois lugares que havia sido vetado pela própria Ford anteriormente por conta da inviabilidade do projeto – a marca achava que o carro perderia a versatilidade do modelo de quatro lugares.

O Mustang Shorty chegou a ser exibido em eventos automotivos pelos Estados Unidos e, assim como outros conceitos, seria posteriormente destruído. Para evitar o triste fim de sua criação, Gardner escondeu o carro em um galpão alugado e disse à Ford que o modelo havia sido roubado. A empresa recebeu o dinheiro do seguro e não voltou a tocar no assunto.

Desde então, o carro passou pela mão de outros dois donos até ser comprado, em 1968, por um empresário texano do ramo de impressão que havia visto o conceito em uma exposição quatro anos antes. O modelo foi cuidadosamente mantido por esse dono até hoje. O Mustang Shorty é equipado com um motor de 5.0 litros V8 e ostenta apenas 25 mil quilômetros em seu hodômetro.