IMG_8920

Falta apenas uma semana para o Natal e ainda tem gente em busca de uma árvore para enfeitar a sua casa ou trabalho. Diante da euforia da data, muitos consumidores ainda não dão a devida atenção aos cuidados necessários para o transporte de um dos principais símbolos natalinos. Para alertar os motoristas, a seguradora alemã Allianz realizou um crash test para mostrar os riscos de levar árvores de Natal no carro sem adotar as medidas de segurança necessárias.

O Centro de Tecnologia da Allianz fez um teste (que pode ser conferido no vídeo abaixo) que simula a colisão de um veículo a 50 km/h com uma árvore presa ao teto contra um carro estacionado. Embora esteja preso por cordas elásticas, o pinheiro é projetado como um míssil, colocando em risco os ocupantes do veículo da frente.

Confira abaixo as dicas de transporte:

– Para uma árvore de Natal de grande porte, o bagageiro é a única maneira sensata de transportá-la. O pinheiro deve estar bem preso para que não se mova com as freadas.

– Para prender o pinheiro no teto do veículo, use cintas de aparelhamento (uma fita feita de material não elástico com prendedores) e fixe-as nas travessas do rack e no tronco da árvore. A cinta também precisa ser amarrada ao redor da parte superior da árvore para que não deslize lateralmente.

– Caso seja necessário transportar a árvore dentro do carro, tenha certeza de que ele caberá no veículo. Os bancos traseiros podem ser rebatidos para aumentar consideravelmente a área de carga. Mesmo dentro da cabine, a árvore deve ser fixada ao assoalho para evitar que ela escorregue e atrapalhe o motorista.