Fusion2015

A Ford anunciou o início das vendas da linha 2015 do Fusion. Com mais itens de segurança, o sedã ficou mais caro: a versão 2.5 Flex passou de R$ 98.700 para R$ 102.900.

Entre as novidades da versão de entrada, estão os novos cintos de segurança traseiros infláveis, espelhos retrovisores externos rebatíveis, ajuste elétrico do banco do passageiro e o Assistente de Emergência, já visto no novo Ford Ka, o recurso é integrado ao sistema multimídia Sync e liga automaticamente para o SAMU em caso de acidentes.

O sedã continua contando com oito airbags, controles eletrônicos de tração e estabilidade, ar-condicionado automático e digital de duas zonas, acendimento automático dos faróis, câmera de ré, rodas de liga leve de 17 polegadas e sistema de comunicação e entretenimento Sync, equipado com tela sensível ao toque de 8 polegadas, Bluetooth, GPS e sistema de áudio Sony.

A versão Titanium, equipada com o motor 2.0 EcoBoost também ganhou novidades, além das que incrementaram o modelo de entrada. A configuração recebeu novos itens de conforto, como banco do passageiro com ajuste elétrico do banco do passageiro em dez posições (contra seis das versões de entrada). Além disso, os bancos ganharam sistema de refrigeração. Antes custando R$ 108.700, o modelo agora é tem preço sugerido de R$ 113.900 na linha 2015. A versão Titanium Hybrid também recebeu todas as novas tecnologias e, consequentemente, o aumento. O preço da versão ecológica parte de R$ 133.900.

Confira todos os preços da linha 2015 do Fusion:

Fusion 2.5 Flex: R$ 102.900

Fusion 2.5 Flex + teto solar: R$ 106.900

Fusion Titanium 2.0 EcoBoost: R$ 113.900

Fusion Titanium 2.0 EcoBoost + teto solar: R$ 117.900

Fusion Titanium 2.0 EcoBoost AWD: R$ 126.900

Fusion Titanium Plus 2.0 EcoBoost AWD: R$ 126.900

Fusion Titanium Hybrid: R$ 133.900

Fusion Titanium Plus Hybrid: R$ 133.900

Cinto Inflável:

De acordo com a marca, os novos cintos de segurança infláveis funcionam no dia a dia como modelos convencionais, sem alterar o conforto e a funcionalidade. O diferencial deles aparece apenas em caso de colisão, quando o cinto se infla como um airbag, protegendo a região do tronco dos passageiros. Confira o funcionamento do cinto no vídeo abaixo: