A General Motors apresentou nesta terça-feira (28), no Salão do Automóvel de São Paulo, os seus dois próximos lançamentos para o mercado brasileiro, além de quatro conceitos e do icônico superesportivo Corvette Stingray.

A linha 2015 do médio Cruze, cujo lançamento está programado para o final de novembro, chega com retoques no visual, como para-choque e grade dianteiros redesenhados, luzes diurnas em LED e novo acabamento interno. O modelo (tanto o hatch como o sedã) mantém a motorização Ecotec de 1.8 litro de 144 cv de potência (etanol). O propulsor ganhou partida com acionamento remoto por meio da chave, como ocorre com o Camaro.

Já a minivan Spin entra na moda dos aventureiros urbanos com a versão Activ. Caracterizada por adereços estéticos, como para-choques exclusivos, faixas laterais e estepe na tampa traseira. O modelo conta ainda com pneus de uso misto e rodas de liga leve de 16 polegadas. Segundo a GM, o modelo “atende famílias que procuram atividades tanto na cidade como no campo”. O conjunto mecânico é o mesmo das demais versões: bloco de 1.8 litro de 108 cv (etanol) e câmbio manual de cinco marchas ou automático de seis velocidades.

Conceitos

A marca ainda trouxe para o salão quatro protótipos. O primeiro é a S10 High Country, que ostenta a grife utilizada pelas picapes Chevrolet nos Estados Unidos. Segundo a GM, os designers brasileiros decidiram aplicar o conceito como exercício criativo. O modelo é equipado com rodas de liga leve de 18 polegadas, faróis escurecidos, frisos cromados na base dos vidros e um Santo Antônio integrado à caçamba.

De apelo esportivo, o Onix Track Day, como o nome sugere, é inspirado em competições. O compacto recebeu suspensão esportiva, além de freios e sistema de escape modificados. Mas o destaque está sob o capô: o motor de 1.8 litro que equipa o Cruze, porém modificado para entregar mais de 150 cv de potência. Ainda utilizando o Onix como base, a GM apresentou o conceito Effect, que traz rodas de 15 polegadas com pintura escurecida, entre outros detalhes estéticos.

Outro modelo que virou conceito é o Cobalt. O sedã recebeu diversos acessórios para mostrar o seu “potencial de personalização”, segundo a marca.

Esportivos

Na linha de esportivos, a Chevrolet trouxe ao salão o Corvette Stingray e o Camaro Z28. Com a possibilidade de venda no Brasil descartada, os modelos servem apenas de destaque no estande da marca. O Corvette é equipado com um bloco de 6.2 litros V8 de 466 cv de potência e é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em menos de 3 segundos.