Pouco mais de um mês depois de fazer o seu principal lançamento no ano, o novo Uno reestilizado, a Fiat apresentou nesta terça-feira (28), no Salão do Automóvel de São Paulo, mais duas novidades que serão vendidas no mercado brasileiro: o Bravo 2015 e o 500 Abarth.

O hatch médio chega com visual renovado, com para-choques e grade frontal redesenhados,e passa a oferecer uma central multimídia (de série a partir da versão Essence 1.8) com tela tátil, Bluetooth, comandos de telefone e áudio por meio do volante. O sistema pode receber ainda a navegação GPS e câmera de ré integrada.

Com lançamento previsto para os próximos meses, segundo a Fiat, o Bravo será oferecido nas versões Essence, Sporting (ambas com motorização de 1.8 litro flex) e T-Jet (1.4 turbo a gasolina). O modelo passa a contar também com a série especial Blackmotion (motor 1.8), como já ocorre com o Punto. Todas as configurações, exceto a T-Jet, podem ser equipadas com a transmissão automatizada Dualogic Plus de cinco marchas – a padrão é manual de cinco velocidades (seis marchas para a T-Jet).

Outro modelo que a Fiat confirmou que venderá no País é o 500 Abarth. A versão esportiva do subcompacto chega às concessionárias até o final deste ano, equipada com o bloco MultiJet de 1.4 litro a gasolina de 167 cv de potência e 23 kgfm de torque. A Fiat diz que o pequenino acelera de 0 a 100 km/h em menos de 7 segundos.

Conceito dá pistas de nova picape

Embora a Fiat não confirme, o conceito FCC4 (Fiat Concept Car) antecipa as linhas e dimensões da picape média que a marca deverá lançar até 2016. A marca diz que o protótipo “une a alma aventureira com o luxo e o espaço interno de um grande sedã”. O FCC4 mede 5 metros de comprimento, 1,94 m de largura e 1,60 m de altura.