%%wppa%% %%slide=583%%

Como último ato público de Luca di Montezemolo, presidente da Ferrari que será substituído por Sergio Marchionne, CEO do Grupo Fiat Chrysler Automobiles, conglomerado dono da Ferrari, a marca italiana apresentará no próximo domingo a F60 America.

O modelo é uma versão conversível do F12 Berlinetta, que marca a comemoração dos 60 anos de atividades nos Estados Unidos. Com preço de US$ 3,2 milhões ou R$ 7,7 milhões em conversão direta, a F60 America foi limitada a 10 unidades e todas já foram venidas.

Além de se transformar em conversível, a F12 Berlinetta ganhou arcos de proteção revestidos em couro atrás dos bancos, com extensões de fibra de carbono, frente traseira modificadas e pintura lembrando os carros da North American Racing Team (NART).

O motor, localizado na parte traseira do esportivo, foi mantido. O bloco é um V12 de 6.3 litros, com potência de 740 cv e torque de 70,4 kgfm. Com este conjunto, o esportivo faz de 0 a 100 km/h em 3,1 segundos.