[wppa type=”slide” album=”576″][/wppa]

Um recorde um tanto quanto perturbador foi homologado pelo Livro dos Recordes nesta semana. Uma estilista italiana decidiu cobrir um Fiat 500 antigo com… cabelo humano. Sim, cabelo de pessoas. Segundo Maria Lucia Mugno, responsável pelo projeto, o intuito é fazer do carrinho “um símbolo de liberdade e paz”.

O processo de construção da perucona ambulante foi trabalhoso. Foram necessárias 150 horas de trabalho, durante as quais Maria e seu assistente, Valentino Stassano, cobriram o compacto com 20 kg de cabelo humano. De acordo com a idealizadora do projeto, foram importados cabelos da Índia por serem mais resistentes em comparação aos cabelos dos europeus.

A transformação fez o valor do Fiat 500 subir a exorbitantes 80 mil euros (ou R$ 243 mil em conversão direta). A ideia surgiu depois que um amigo de Maria fez uma aposta, dizendo que ela não poderia cobrir um carro com cabelo humano. Mas, como é possível ver nas fotos, o amigo perdeu a aposta. Esse caso certamente nos fez lembrar do Volkswagen Golf coberto por pipocas mostrado há alguns meses, mas com uma sensação um tanto desagradável.