[wppa type=”slide” album=”450″][/wppa]

A Ford emitiu, na última quarta-feira (20), um comunicado à sua rede de concessionárias nos Estados Unidos ordenando a interrupção de testes-drive e as vendas dos modelos Focus e da minivan C-Max devido a possibilidade de esses veículos apresentarem defeitos no sistema de direção. A fabricante diz que são menos de 50 carros.

Segundo o site Automotive News, os veículos produzidos na fábrica de Detroit entre os dias 8 e 15 de agosto deste ano saíram da linha de montagem com rolamentos que não possuem o número de esferas suficientes para o funcionamento correto do componente. O aviso emitido pela Ford diz que o problema pode fazer o condutor perder o controle do veículo e, consequentemente, provocar um acidente. A empresa informou que nenhum dos carros foi vendido pelas concessionárias.