blindados

Pelo quarto ano consecutivo houve aumento no número de carros blindados no País. A Associação Brasileira de Blindagem (Abrablin), revelou em seu último balanço que 10.156 veículos receberam esse tipo de proteção em 2013. O número é 21,13% maior que o do ano anterior.

Do total de veículos blindados, a grande maioria está em São Paulo: são 63,04%. O Rio de Janeiro aparece em segundo lugar, com 12,18%. Na sequência, entre os cinco primeiros da lista, aparecem três estados nordestinos: Pernambuco, com 6,37%; Ceará, com 5,94% e Bahia, com 2,94%.

Os dados vão ao encontro do aumento de furtos e roubos de veículos. São Paulo, por exemplo, no comparativo entre 2012 e 2013, apontou um aumento de pouco mais de 10%, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado. No Brasil, em 2013, foram mais de 476 mil veículos furtados ou roubados, de acordo com a Confederação Nacional das Seguradoras.

Para o presidente da Abrablin, Laudenir Bracciali, “a sensação de insegurança cada vez maior em todo o país é o fator principal que explica o aumento da procura pelo serviço. Com medo diante da violência urbana, muitos cidadãos, inclusive, substituem o investimento em um modelo de carro mais luxuoso por um modelo um pouco mais simples, mas com a segurança da blindagem”, afirma.