[wppa type=”slide” album=”334″][/wppa]

A Volkswagen divulgou o preço do híbrido XL1 para o mercado britânico: elevados 98.515 libras (cerca de R$ 371.970). O alto valor é justificado, principalmente, pela tecnologia aplicada e pelo fato de que apenas 200 unidades serão produzidas. Para efeito de comparação, o Toyota Prius, o híbrido mais vendido no mundo, custa a partir de 21.995 libras (R$ 83 mil) no Reino Unido.

Com o valor que a Volkswagen pede pelo XL1 é possível comprar a versão topo de gama do SUV Touareg, a R-Line com motor de 4.2 litros V8 turbodiesel de 340 cv de potência, que parte de 56.655 libras (R$ 213.900), segundo o configurador do site da marca. Já um Porsche Cayman GTS, por exemplo, custa 55.397 libras (R$ 209.160) no mercado britânico.

Embora seja caro, vale lembrar que o XL1 é equipado com um moderno conjunto motriz composto por um motor de dois cilindros de 0.8 litro a diesel de 48 cv de potência que trabalha associado a um propulsor elétrico de 27 cv e ao conhecido câmbio automatizado DSG de sete velocidades e dupla embreagem.

De acordo com a Volkswagen, o híbrido de 795 quilos tem consumo médio de 111 km/l em ciclo combinado (urbano e rodoviário) e emite apenas 21 gramas de dióxido de carbono a cada quilômetro rodado.

Rumores dizem ainda que a fabricante alemã tem planos de lançar uma versão esportiva do XL1, que possivelmente será batizada de XLR. O modelo será equipado com o motor bicilíndrico a gasolina (com modificações) da motocicleta Ducati 1199 Panigale.