%%wppa%% %%slide=234%%

O Audi A3 Sedan ganhou uma versão mais acessível no mercado brasileiro. São duas novas configurações: a primeira com motor 1.4 com turbo e injeção direta (TFSI) que parte de R$ 94.700 e a versão mais incrementada custando R$ 99.900.

Novo no País, o A3 Sedan chegou no início deste ano com motor de 1.8 litro turbo no início deste ano e já é um sucesso para a marca. Em relação ao modelo topo de gama, a economia de quase R$ 20 mil só tende a popularizar ainda mais o modelo entre os queridinhos no segmento de sedãs médios.

O que tem de diferente?

As diferenças da versão 1.8 , além do motor, estão nas configurações de série. O modelo de entrada não possui como ar-condicionado digital, conexão Bluetooth, acendimento automático dos faróis e espelho retrovisor eletrocrômico e faróis auxiliares. O volante multifuncional com shift paddles estão na versão Attractive, que conta ainda com borboletas para trocas de marchas, sistema de áudio MMI, com rádio e navegador GPS e Bluetooth. Já os bancos revestidos em couro são exclusivos dos donos do 1.8. O acabamento interno é em prata micrometálico, com teto moldado em tecido. O porta-malas (que comporta 425 litros) conta com tapete reversível e porta-objetos.

Em questão de segurança, o carro é bem preparado, o ESP (programa de estabilização eletrônica), por exemplo, entra em ação sempre que o carro ultrapassar os limites de segurança ao longo das curvas, ajudando o motorista a manter a trajetória. O motorista e o passageiro da frente contam com sete airbags, frontais, laterais, e os especiais para proteção dos joelhos.

Há doze opções de cores para a carroceria: Branco Amalfi, Preto Brilhante, Vermelho Brilhante, Marrom Beluga, Cinza Dakota, Prata Gelo, Branco Geleira, Cinza Monção, Azul Scuba, Vermelho Shiraz, Vermelho Misano e Preto Fantasma.

O motor
A nova motorização do A3 Sedan é referência em donwsizing e eficiência energética, segundo a Audi. Movido a gasolina, o motor 1.4 entrega 122 cv de potência e 20,39 kgfm de torque e não deixa a desejar em quse nada em relção ao topo da gama de 180 cv e 25,5 kgfm.
A direção é fácil, bastante confortável, firme, estável e principalmente, potente. Tudo flui muito bem, e por muitas vezes você nem percebe que está passando dos 100 km/h se não olhar no mostrador. O sistema Start/Stop pode proporcionar ao modelo uma economia de até 20%.
A transmissão automatizada S-tronic de dupla embreagem e sete marchas também impressiona. As trocas são bem suaves e seguras, sem os trancos muito comuns de câmbios automatizados.

Com esse carro, a alemã está no rumo para atingir sua meta de 10 mil A3 Sedan por ano no Brasil. Isso até 2015, quando o modelo começa a ser produzido na fábrica de São José dos Pinhais (PR) e os preços ficarem ainda mais convidativos. Depois, o céu será o limite para a Audi.