chevrolet-tracker

A General Motors do Brasil convoca a partir desta sexta-feira(11) os proprietários do Chevrolet Tracker LTZ Automático à comparecerem as concessionárias da marca para uma inspeção e eventual substituição da tubulação de freio dianteira do modelo.

O componente defeituoso pode ocasionar a perda da capacidade de frenagem do veículo. Segundo a marca, um problema no processo de montagem da tubulação de freio dianteira, pode deformar a peça e mudar seu posicionamento. “A situação pode ocasionar o atrito entre a tubulação de freio dianteira e o parafuso de fixação da mangueira de refrigeração da transmissão automática, podendo danificar a tubulação e gerar vazamento de fluido de freio”.

Os modelos envolvidos no chamado foram produzidos entre 4 de julho de 2013 até 13 de fevereiro de 2014. Os números de chassis vão de EL102593 à EL188312. O serviço é gratuito e tem tempo estimado de reparo de 55 minutos. A empresa disponibilizou o telefone 0800-702-4200 para o esclarecimento de dúvidas.