CRL_6834

A JAC Motors apresentou oficialmente, nesta segunda-feira (7) os modelos J3 S e J3 Turin S equipados com o motor bicombustível 1.5 Jet Flex. Os preços dos modelos partem de R$ 39.990, para o hatch J3 S e R$ 41.690 pelo sedã J3 Turin S. Ambos desenvolvem 127 cv e 15,7 kgfm com etanol e 125 cv e 15,4 kgfm com gasolina. Vale lembrar que as versões tradicionais com motor 1.4 a gasolina J3 e J3 Turin, continuam sendo vendidas normalmente.

Batizada de Jet Flex, a tecnologia bicombustível da JAC dispensa o chamado “tanquinho” para partidas a frio e promete equipar toda a família de veículos da marca a partir deste ano. Um grande passo para a chinesa, que já soma no currículo 13 lançamentos em 3 anos no Brasil. O objetivo, segundo Sérgio Habib, presidente da JAC, é chegar a 3% do mercado brasileiro. Se isso vai acontecer depende de muitos fatores mas, os esforços já começaram. As obras da fábrica em Camaçari (BA), prevista para 2015, possuem alvará e começam em um mês. De acordo com o próprio Habib, a unidade terá a capacidade de 100 mil carros por ano.

Quanto aos novos modelos, ambos são equipados com direção hidráulica, ar-condicionado, CD MP3 player com USB, sensor de estacionamento, volante em couro com comandos e regulagem de altura, chave canivete com destravamento remoto das portas, alarme anti-furto, bancos em Black Fabric com costura vermelha, pedaleiras esportivas, tomada de 12 volts, luz de leitura, entre outros.

[wppa type=”slide” album=”127″][/wppa]

O Carsale avaliou as duas versões do modelo em um test-drive realizado entre as cidades de São Paulo e Atibaia. O J3 se mostrou mais evoluído que a versão convencional, com um motor mais potente, além de contar com o vantajoso pacote de itens de série.

Dentro da cabine, o visual mais sóbrio agrada. Entretanto, os mais exigentes podem ter problemas com os pedais mais “moles”. Em movimento, o carro se desenvolve bem. O ronco do motor não invade a cabine a ponto de incomodar, mas os engates de câmbio longos e imprecisos exigem um esforço a mais do motorista.

A estimativa da JAC é vender cerca de 500 unidades do J3 por mês (250 para cada versão) e aumentar o número de emplacamentos. Vale lembrar que a marca terá para este ano um lançamento inédito no País, o utilitário T6.