Nova geração da picape global começa a ser vendida no mês de agosto

Ford Ranger vai de R$ 61,9 mil até R$ 130 mil

A Ford assistiu calada ao lançamento da Amarok, primeira picape média da Volkswagen, a renovação da veterana S10, ao megafacelift da Toyota Hilux e as atualizações na linha da Nissan Frontier e Mitsubishi L200. Agora, a fabricante norte-americana quebra o silêncio e chega fazendo barulho nos quatro cantos do planeta, com a estreia da nova geração da Ranger, que será comecializada em 180 países e produzida em três continentes: Ásia, África e América.

Criada a partir de uma plataforma completamente nova, a picape exibe um visual totalmente repaginado. Além disso, a gama de motores recebeu um novo integrante, o "abrasileirado" bloco bicombustível. Sendo assim, dá para afirmar que esta Ranger  é, de longe, um veículo completamente novo. E a sua relação com o modelo anterior fica apenas restrita ao logo oval azul e seu conhecido nome.

O novo produto global da Ford chega com a ambição de tentar fisgar consumidores de diferentes classes sociais e que possuem preferências distintas. Para cumprir este objetivo, o que não faltam são opções de preços e versões. Só para se ter uma ideia, a configuração de entrada parte de R$ 61.900, enquanto os preços da topo de linha podem chegar a R$ 130.900. Nesse intervalo de valores, a marca oferece uma série de combinações, tendo como base três opções de motores (3.2 litros diesel, 2.2 l diesel e 2.5 l flex), dois tipos de transmissão (manual de cinco velocidades e automática de seis marchas), quatro variantes de acabamento (XL, XLS, XLT e Limited) e duas carrocerias (cabine simples e dupla). Estão disponíveis oito tonalidades de cores para a carroceria. A Ford adiantou que, embora já tenha sido revelada aos brasileiros, a picape só começará a ser vendida no próximo mês. Confira abaixo os preços e versões da linha.

Flex

XLS 2.5 Flex 4×2 Manual Cabine Simples: R$ 61.900

XLS 2.5 Flex 4×2 Manual Cabine Dupla: R$ 67.600

XLT 2.5 Flex 4×2 Manual Cabine Dupla: R$ 75.500

Limited 2.5 Flex 4×2 Manual Cabine Dupla: R$ 87.500

Diesel

XL 2.2 Diesel 4×4 Manual Cabine Simples: R$ 77.900 (exclusivo para frotistas)

XLS 3.2 Diesel 4×4 Manual Cabine Simples: R$ 97.900

XLS 3.2 Diesel 4×4  Manual Cabine Dupla: R$ 106.900

XLT 3.2 Diesel 4×4 Manual Cabine Dupla: R$ 114.900

XLT 3.2 Diesel 4×4 Automática Cabine Dupla: R$ 120.400

Limited  3.2 Diesel 4×4 Automática Cabine Dupla: R$ 130.900

Motores e capacidades

A partir de agora, a nova Ranger se iguala as suas pincipais concorrentes e passa a oferecer um motor flex. O bloco é o 2.5 litros Duratec de quatro cilindros, capaz de entregar potência máxima de 173 cavalos a 5.500 rpm e torque de 24,8 kgfm a 4.250 rotações, utilizando etanol. Já as opções diesel são duas. O principal propulsor é o 3.2 litros Duratorq de 200 cv e 47,9 kgfm de torque, disponível entre 1.750 e 2.500 rpm. A outra variante a diesel é o 2.2 l de 125 cv e 33,7 kgfm de torque, oferecido somente na versão destinada aos frotistas.

De acordo com a Ford, o modelo cabine simples conta com 1,4 tonelada de capacidade de carga, enquanto na cabine dupla o valor é de 1 tonelada. Em volume, as caçambas podem levar 1,180 litros e 1,800 l, na mesma ordem.

Equipamentos

Na versão mais básica, a XL, a Ranger traz de série tração 4×4 com diferencial traseiro blocante, direção hidráulica, ar condicionado, freios ABS nas quatro rodas com EBD, alarme, computador de bordo, regulagem da altura da coluna de direção e rodas de aço 16 polegadas. Os para-choques, maçanetas e retrovisores externos são na cor  preta.

Um degrau acima, a XLS, agrega vidros e retrovisores elétricos, rádio AM/FM com CD/MP3 e tela colorida de 4,2 polegadas, apoio de braço no banco traseiro e rodas de liga leve de 16 polegadas. O para-choque dianteiro vem pintado na cor do veículo. Vale destacar que nas versões diesel cabine dupla há airbags e faróis de neblina.

A configuração XLT sai de fábrica com airbag duplo, ar condicionado digital de dupla zona, programa eletrônico de estabilidade (ESP) com oito funções, sistema de áudio com Bluetooth, sensor de estacionamento traseiro, piloto automatico, vidros elétricos, comandos de áudio no volante, bancos com ajuste de altura e lombar, rodas de liga leve de 17 polegadas, estribos laterais e itens na caroceria cromados (grade do radiador, maçanetas internas e externas, para-choque traseiro, porta da caçamba e santantônio).

Mais completa, a Limited oferece ainda airbags laterais e de cortina, GPS com tela de cinco polegadas, câmera traseira, sensor de chuva, acendimento automático de faróis, bancos de couro, assento do motorista com ajuste elétrico, santantônio esportivo, porta-objetos central refrigerado, bagageiro no teto e retrovisores externos dobráveis eletricamente com piscas e luz de cortesia integrados.

[wppa type=”slide” album=”9640″][/wppa]