Preparado para a luta contra os rivais

Mercedes-Benz Classe B

A grande estrela do estande da Mercedes-Benz no Salão de Genebra (Suíça)em marçoserá o Classe B. Baseado no protótipo Vision B Sports Tourermostrado no ano passado em Paris (França)o novo modeloposicionado entre o Classe A e o sedã de luxo Classe Ctem o objetivo de inaugurar um "novo segmento". Isto porqueapesar de suas dimensões compactaso Classe B tem interior com espaço semelhante ao de minivans e sedãs de luxo. Além dissoincorpora uma série de itens sofisticados de conforto e segurança.

O estilo buscou inspiração no conceitual Vision Bmas abandonou as linhas futuristas do protótipo para ficar mais semelhante ao Classe A. Visto de frente fica difícil não confundir o novo modelo de seu irmão menor. Os faróis têm o mesmo formato de gotamas a grade do radiador e a entrada de ar estão maiores. Além dissoo capô ficou mais baixo. A principal diferença está na parte lateraljá que o Classe B é maior que o Classe A: são 4,27 metros ante 3,83 m do modelo de entrada da Mercedes-Benz. Na traseiraas linhas do novo carro são conservadorasmas ainda assim chamam a atenção.

A Mercedes-Benz incorporou à cabine o novo "conceito sanduíche"pelo qual o motor e o câmbio ficam posicionados em posição inclinadametade na dianteira do carro e metade no compartimento. Assimalém de garantir mais espaço internoo recurso também aprimora a segurança. Como a configuração permite que os bancos fiquem cerca de 200 milímetros mais altosos passageiros vão ter maior proteção no caso de impactos laterais. Outros itens de segurança de destaque são os airbags para ocupantes da frente e de trásfaróis de xenônio direcionados (opcional)direção eletrônica e amortecedores seletivos (equipamento herdado do Classe A).

As novidades ficam por conta de dois novos sistemas: o ESP (controle eletrônico de estabilidade) ganhou função STERR Controlque age com a direção eletrônicadando assistência em condições críticas de pista para ajudar o motorista a estabilizar o carro. Além dissoo Classe B incorpora também o novo eixo traseiro parabólicoque contribui para estabilidadeconforto e direção esportiva. Outro ponto importante do projeto é o aproveitamento espaço: além do "conceito sanduíche"o modelo compacto conta ainda com 2,77 metros de distância entreeixosmedida quesegundo o fabricanteé semelhante a de alguns de seus sedãs de luxo.

Os bancos traseiros podem ser removidos ecomo opcionala marca alemã também disponibiliza a possibilidade de remoção do assento do passageiro dianteiro. Com issoa capacidade de carga do Classe B sobe de 544 litros para 2.245 l. Entre os itens de série que garantem o conforto dos ocupantesestão ar-condicionadovolante multifunçãoapoio para os braços e acabamento de alumínio no console central e painéis das portas. A lista de opcionais inclui ar-condicionado automático e digital THERMATRONICassentos dianteiros com ajustes elétricossistema de navegação por rádio e teto solar panorâmico.

A linha de motores é composta por oito opções. São seis propulsores a gasolinacujas potências variam entre 95 cavalos e 193 cv. O mais forte é o 2.0 de quatro cilindros da versão A200 turboque alcança torque de 28,6 kgfm entre 1.800 rpm e 4.850 rpmleva o carro da imobilidade a 100 km/h em 7,6 segundos e atinge 225 km/h. Há ainda duas opções a diesel: a versão topo de linhaA200 CDItraz propulsor 2.0 com "common-rail"que rende 140 cv e 30,4 kgfm torqueo que é suficiente para  atingir 200 km/h e acelerar de 0 a 100 km/h em 9,6 segundos. Todas as versões estão disponíveis com câmbio automático de seis marchasmas o seqüencial AUTOTRONIC é opcional.

[wppa type=”slide” album=”3356″][/wppa]